Só mais um tratado sobre os nós.

Sempre me dá vontade de escrever sobre as mesmas coisas.

Sobre as mesmas manhãs.

 

Sempre tenho vontade de dizer “olá” ao vento.

Nem sei bem porque.

 

Mas, agora, eu sei.

Tudo aqui já passou.

Não escrevo as mesmas coisas.

 

Só o tempo que brinca comigo.

Só o tempo que dança, em voltas,

Gritando.

 

Não sou eu que escrevo as mesmas coisas.

Nunca seria.

 

Só sou eu, revivendo sempre os mesmos momentos,

Com medo de viver.

Com medo de morrer.

 

Anúncios

~ por Morte. em janeiro 1, 2012.

Uma resposta to “Só mais um tratado sobre os nós.”

  1. velho, que foda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: