Compostos

Os versos quase não saem
Minhas palavras acabaram
Eu nem sei mais como dizer isso de modo não clichê
Só sei que a frase já se repetiu umas quinhentas vezes só em poemas

Nem concordância verbal mais eu consigo ter
Usar o meu português falho parece covardia
Mas a inspiração ainda persiste
E o meu amar, sempre será o bastante

De versos e estrofe se compõe um poema
De palavras se compõe um verso
E de frases se compõe uma estrofe
Sabe-se lá o que se compõe o amor

Sei que sinto tanto ele
Que o meu ser é de puro dele
E o meu corpo de puro seu
Eu sei do que sou composto

Sou composto de amor
De amor por você
E caindo no clichê como sempre
Termino falando que só o que sinto
É amor, e que tudo o mais se resume

Mas e o nosso amor, do que é composto?
É composto de confiança? De intrigas? De beijares sensuais?
O nosso amor, é composto de amor

Os poemas podem ser compostos de versos e estrofes
E as estrofes, de frases
E versos, de palavras
Mas esse aqui, é composto, estrofes, versos e poema
Só e somente, de amor.

Anúncios

~ por Cirurgião Qualquer em dezembro 19, 2011.

Uma resposta to “Compostos”

  1. Eu tinha lido esse em algum lugar já, não sei se foi no face… Gostei muito, e mande os clichês pro inferno, você tem que dizer o que quiser e como quiser, independente de alguém classificar como clichê ou não ^^

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: