Estou descendo

Estou descendo, em uma espiral que me engoliu há milenios.

E cada tentativa de se livrar dessas linhas celestes,

Torna-se apenas mais uma infrutifera.

 

Inutil.

 

 

E a cada sensação nova,

A cada brisa de Ar fétido,

 

Sinto me livre.

 

E a espiral me engole mais uma vez,

 

Desço , Mais ainda,

nessa imensidão.

 

 

 

Em uma força descomunal, vejo a lua.

Aquela a qual ilumina minha espiral. Celeste.

 

Maldita beleza!

 

Joga me mais fundo,

 

Joga me mais Inexistente.

 

Joga me mais depressivo.

Anúncios

~ por Cirurgião em janeiro 25, 2011.

2 Respostas to “Estou descendo”

  1. eu gostei.

  2. Imagem linda *-* porém joga-me mais despressiva ^^
    [BY C.da mORTE]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: